sexta-feira, 9 de julho de 2010

O agir de Deus

Há algum tempo venho orando para que Deus me capacite para trabalhar na Sua obra. Coloquei nas Suas mãos a minha vontade e também não escolhi o que fazer.
Uma noite após o culto em minha igreja, uma irmã muito minha amiga de muito tempo pediu se eu podia levar umas cestas básicas na minha camioneta para algumas pessoas muito carentes. Prontamente eu disse que sim. Porém na saída do culto, ainda no carro com o meu esposo, perguntei a ele se poderia fazer isso por mim, porque pensando bem me sentia cansada e esse tipo de trabalho não me agradava e não queria ligar para a minha amiga desmarcando o compromisso, mas meu esposo disse que tinha muito trabalho no dia seguinte. No dia seguinte pela manhã levantei de mau humor, contrariada e queria ficar na cama ao invés de cumprir o compromisso que tinha feito com a minha amiga. Saindo de casa já aconteceu algo que me aborreceu mais ainda, mas lá fui eu, com a cabeça voltada para outras coisas que eu poderia estar fazendo em casa. Cheguei na igreja e carregamos a camioneta. O destino: um dos piores lugares da cidade. Antes de abastecermos o carro no posto, minha amiga sentiu de orar por mim e por aquilo que iríamos fazer. Ao impor sua mão sobre minha cabeça, senti as lágrimas querendo saltar dos meus olhos e não aguentei segurá-las. O Espírito santo estava começando a agir... Segui todo o caminho chorando, pensando comigo mesma que eu não queria fazer aquilo, que eu não queria ver a miséria dos outros, por não estar preparada ou mesmo por achar que eu não precisava fazer aquilo. Por quê eu? E assim foi até chegarmos no bairro e depois na casa dessas pessoas. Na hora da oração, me segurei para não desabar em choro. De volta ao carro e novamente aos prantos, disse a minha amiga que eu não gostaria mais de fazer isso ao que ela ficou de boca aberta me olhando. Voltamos para a igreja conversando, mas enquanto ela falava comigo tentando me confortar eu sentia que essa era a resposta das orações que eu vinha fazendo a Deus em relação ao trabalho na Sua obra. Deus me falava: esse é o trabalho que Eu quero que você faça. Então a ficha caiu. Eis-me aqui Senhor. Cheguei em casa feliz da vida e dei esse pequeno testemunho a minha família. O mau humor se foi. Deus é maior do que podemos imaginar e também não sabemos como Ele vai agir. Eu no meu egoísmo não imaginei que fosse dessa forma. Passo por muitas dificuldades e pensei que ainda ver as necessidades dos outros seria demais para mim, mas Deus sabe de todas as coisas e só Ele sabe porque me colocou nessa área de ação social, que é uma das piores para se trabalhar na igreja. Mas Deus seja louvado e eu sou grata por Ele estar trabalhando na minha vida.

Que Deus abençoe a todos os que lerem esse pequeno testemunho!

2 comentários:

Trets Welt disse...

Menina...nao tenho palavras...vou meditar muito nisso.Deus te abencoe.Bom fim de semana.Beijos.Luciene.

Missionária Bella Dourado disse...

Amém querida!
Este trabalho que você realizou , eu realizo e me dá tanta alegria, as vezes é preciso mais que comida, as vezes tenho de higienizar crianças de maneira geral, para que tenham condições de permancer num recinto porque o odor da urina e fezes e muito forte, por isto muitas vezes tem mais que alimentos, já vou com bácia, sabão, sabonete, calçados, e roupas, e é uma benção e lindo e eu me sinto muito abençoada porque o Senhor me usa para cuidar de pequeninos ou de desfavorecidos em geral,não importando se são do mundo ou da igreja.
Sabe minha querida você falou sobre o medo de ver a miséria, mas tem uma miséria muito pior que a fome são os miseráveis de alma desprovidos de sentimentos, que fingem que a dor, afome, a desnutrição , doenças e pragas são normais nos homens, que igualam os menos desfavorecidos a animais , mas os seus animais tem direito a petshop.
Obrigada muito obrigada por deixar DEUS te usar. Vitória! Você é uma Vencedora em nome de Jesus!
Bjos com carinho